Já imaginou viajar sem se importar com o destino?

Tempo de leitura: 1 minuto

Amanhã eu embarco para mais uma viagem. Amanhã eu embarco para Bucareste, a capital da Romênia.

– Mas o que você vai fazer na Romênia, Marião? O que é que tem lá?

Serio! Não faço idéia, e sinceramente não me importo. Não saber o que fazer onde eu vou é onde está a graça! Não me importa mais o lugar, eu só quero estar lá!

Eu sou tão apaixonado por viajar que atualmente já não importa mais pra onde eu vou, o que me importa é ir! Pode ser lugar badalado como Roma, Paris ou Amsterdã. Ou eu posso ir pra lugares mais remotos como Riga, Sharm el-Sheikh e até Bucareste.

Riga – Latvia (Acervo pessoal)

 

Só quero descobrir o mundo, andar por onde muitos já andaram e ver com meus olhos, quero estar lá. Tocar na história, tentar entender uma lingua que nunca ouvi, sentir cheiros e sabores de todos os lugares!

Já não importa mais pra onde, só quero ir. O sentimento de descobrir o que até então é desconhecido faz eu querer a próxima viagem como se fosse a primeira. Faz eu sentir a insegurança de pra que lado ir quando eu sair do aeroporto.

O sentimento de andar em lugares que nunca andei e ter que descobrir os caminhos, tentar decifrar as placas, letreiros de ônibus ou mapas de metrô é o que me move!

Fonte? Google Images

Já não importa mais o lugar, eu só quero estar lá. Me perder, e me encontrar. Porque só encontramos o que não sabemos quando nos perdemos. E é me perdendo pelo mundo que eu vou me encontrando.
Já são mais de 30 países, muito pouco pra um mundo tão grande e com tanta vontade de contar a sua história. Cabe a mim pegar a minha mochila, colocar nas costas e ouvir o que ele tem pra me contar.

Te vejo na volta!

Os comentários foram encerrados, mas trackbacks e pingbacks estão abertos.